A Verdadeira Cozinha Contemporânea do Restaurante Veg E Lev em Curitiba

Na semana passada eu tive o grande prazer de conhecer melhor a história de um lugar que eu já admiro a um tempo! Liguei pra lá pra marcar de tirar umas fotos pra uma novidade suuuper bacana que vou poder contar pra vocês daqui um dias. Até então, seria um dia de trabalho como os outros, mas a conversa foi longe!

Chegando lá, fui recepcionada pelo Miro, um dos três sócios da casa. Ele já tinha preparado alguns dos pratos que eu ia fotografar, então sentamos e começamos a papear sobre a história do Veg e Lev, e não paramos mais. O que era pra ser um almoço, se estendeu por horas, e foi muito bom conhecer uma das pessoas por trás de toda a mágica que acontece lá 🙂

O restaurante é dividido em VEG e LEV, o que quer dizer que você pode encontrar pratos vegetarianos e veganos, mas também opções com carne. Apesar de os três sócios não serem vegetarianos, eles são super ligados em equilíbrio alimentar. Todos os pratos são elaborados com ingredientes selecionados e o mais natural possível, pensando sempre na comida saudável de forma responsável, mas também saborosa. Na minha opinião, essa é a verdadeira essência da cozinha contemporânea. Estamos caminhando pra consciência alimentar cada vez mais, e é muito importante que ela tenha o mesmo padrão de sabor que estávamos acostumados, ou ainda melhor!

O sonho de ter um espaço onde a alimentação saudável estivesse em evidência foi um sonho por algum tempo, mas eles ralaram pra conseguir abrir o restaurante da forma que ele é hoje. E valeu a pena! Hoje o restaurante está sempre cheio, recebe eventos e cursos super legais, além de receber propostas para inaugurar novas unidades. O mais legal é que, apesar da expansão estar nos planos, eles estão super preocupados com a qualidade, e não querem “dar o passo maior que a perna”

Pra começar: salada! Quem não gosta de salada, nunca provou uma bem feita.  Essa salada aí (que é a Salada Indiana) é composta por um mix de folhas, tomate, pepino, cenoura, regados com um molho à base de iogurte e hortelã e servidos sobre uma massa fina assada. A versão original acompanha frango e queijo coalho, mas você pode pedir só com o queijo ou substituir por tofu com muito temperinho bom! 

Anotem: o segredo de uma boa salada está na combinação de ingredientes e temperos 😉 e, sinceramente, quando essa combinação é bem feita, ela pode ser servida tranquilamente como prato principal.

O meu prato preferido nesse mar de coisas boas é o Nhoque de Banana da Terra ao Tri Funghi
Não é “só” um nhoque; sério! Pra mim, ele tem um toque de nostalgia, porque leva uma pitada de canela na composição do molho, mas o que me ganhou de verdadinha foi o agridoce. Esse saborzinho mágico me encanta e me ganha sempre, e nesse prato, a combinação banana da terra + cogumelos + tomates + temperos foi milimetricamente acertiva! E não é pra menos. Segundo o Miro, eles testaram 132 receitas de nhoque até chegar em uma que gostassem (talvez um pouco menos 😛 mas testaram bastante)

Como o cardápio deles é reduzido – são 5 pratos quentes que mudam a cada dia – de quinta a sábado eles trabalham com um prato especial do dia. Essa proposta é bacana porque evita o desperdício da produção de comida em larga escala. Tem sustentabilidade, qualidade, atenção e carinho em tudo por ali, já deu pra notar?

Nesse dia, o especial ganhou meu coração, e quase desbancou meu amado nhoque. Era um risoto com um molho a base de pimentão sensacional, que acompanhava pinhão, um vinagrete delicioso e espetinho de legumes. Tô pensando em lançar uma campanha pra que eles coloquem esse prato no menu fixo, quem me acompanha? 😛

Pra finalizar, não pode faltar sobremesa, né? Principalmente quando ela sem lácteos, sem açúcar refinado, vegana e tão cheia de amor. Sem palavras pra esse bolo ♥ 

Ele é produzido por uma parceira do restaurante, a Júlia Guedes, que é uma confeiteira de mão cheia! O Miro me contou que ela guarda o segredo do bolo a sete chaves, com razão! Não é a toa que as vezes dou um pulo lá depois do almoço só pra me deliciar em pedaço dessa maravilha 🙂

E não para por aí, você ainda pode comer todas essas gostosuras acompanhado de um belo mate ou suco natural, ou mesmo um delicioso drink 😉

Se você ficou curioso, não pense duas vezes! Aproveita a primeira oportunidade e corre lá pra conhecer. Eles ficam na Alameda Prudente de Moraes, 1218 – Curitiba, PR. E abrem de segunda a sábado, das 11:30 as 14:30, se estendendo um pouco mais no sábado.

Conheça mais : site | facebook | instagram

Eu sou a Gabi ? Sou arquiteta urbanista e metida a cozinheira! Desde que resolvi entrar no mundo do esporte, mudei minha alimentação e, consequentemente, meu olhar sobre o mundo e sobre o meu corpo. Hoje sou maratonista, me locomovo principalmente de bike, não consumo carne há três anos, intolerante à lactose, e vivo inventando moda na cozinha, onde aprendo muito todo dia ❤

Pin It on Pinterest

Share This